Advertisement
SBS Radio Services Review (SBS)

O português subiu 13 posições no ranking das línguas mais faladas no país e por isso a SBS está investindo mais no Programa Português da Rádio SBS.

By
Beatriz Wagner, Hannah Sinclair
Published on
Friday, September 22, 2017 - 15:53
File size
2.6 MB
Duration
5 min 40 sec

Com 48.853 falantes (quem respondeu no Censo 2016 que falava português em casa), o português é hoje a 31ª língua mais falada na Austrália, fora o inglês, com 15.000 falantes a mais do que o registrado no censo de 2011, quando era a 44ª língua no país.

A SBS anunciou nesta sexta-feira, 22 de setembro, as mudanças nos seus serviços de idiomas, considerando os números do censo de 2016, revelando que quase 5 milhões de pessoas - 4.870.000 - falam uma língua que não é o inglês em casa.

A Revisão dos Serviços da Rádio SBS levou em consideração os resultados do censo e os hábitos de consumo de conteúdos dos seus ouvintes.

A língua portuguesa continua com dois programas por semana no ar, nos mesmos horários, quartas e domingos, ao meio-dia, e recebe mais verbas para serviços digitais em português.

Mais de 66% dos falantes de português na Austrália tem entre 20 e 54 anos de idade e buscam informação, cada vez mais, na ponta dos dedos.

Com o investimento extra, poderemos oferecer mais conteúdos em áudio e online, quando e onde nossos ouvintes e seguidores preferirem, no seu computador, tablete ou telefone.

Sete novos idiomas terão os seus próprios programas na SBS, enquanto outras línguas desaparecem da grade de programação, após uma revisão dos serviços da Rádio SBS.

Os novos idiomas na grade de programação são rohingya, tibetano, telugu, mongol, karen, chin hakha e kirundi.

As mudanças tem por objetivo melhor representar as necessidades das diferentes comunidades de imigrantes na Austrália.

A diretora da divisão de Conteúdo em Áudio em Idiomas - Audio and Language Content - da SBS, Mandi Wicks, disse que é importante que a Rádio SBS seja um espelho da Austrália contemporânea.

"As part of the review, we're really excited we'll be adding seven new languages to our radio services. One of those languages is a language called Telugu, which is an Indian language, and, actually, there are 74 million people who speak Telugu in India, and so we're excited to be adding it to our radio services. It's a very young community -- more than 74 per cent of them are aged between 20 and 54. So we're looking forward to servicing them and helping them to navigate life in a new country."

Com base nos critérios de seleção, 12 idiomas serão retirados da programação: canarim, tonganês, norueguês, o maori das Ilhas Cook, fijiano, sueco e o programa africano, transmitido em inglês.

Os programas lituano, malaio, letão, dinamarquês e maori estavam em recesso no último ano e também caem fora da programação.

Joe Caputo, presidente da Federação dos Conselhos das Comunidades Étnicas da Australia, disse que era importante a adaptação constante da SBS para melhor servir a sociedade.

"Look, I think that it is fundamental for the SBS to ensure that it continues to remain relevant to multicultural Australia as it changes, in terms of new arrivals, in terms of the current diverse communities that live and have been living in Australia for a long time. So I think that the regular reviews are an important element in SBS working so that it continues to ensure that it meets the needs of our diverse and changing multicultural society as it continually changes."

Mudanças também foram feitas no número de programas no ar para certos idiomas: o programa turco e o programa croata foram reduzidos de cinco para quatro horas por semana, enquanto o programa alemão foi reduzido de sete para cinco horas por semana.

Os programas húngaro, bósnio e albanês foram reduzidos de duas para uma hora por semana no ar.

Mandi Wicks disse que a SBS tem o compromisso de rever e atualizar regularmente os seus serviços e a sua grade de programação, a partir dos dados do censo, realizados a cada cinco anos na Austrália.

"The reason we exist is really about talking to communities and migrants about life in Australia, about the community in which they now live. And so this is constantly changing. And there are new communities arriving all the time who really need our services to understand our systems, understand Australian values and to navigate life in a new country."

A Rádio SBS continua sendo a rádio com a maior diversidade linguística do planeta, produzindo conteúdos em 68 idiomas.

As mudanças anunciadas entram em vigor no dia 20 de novembro.

Para mais informações, vá ao sbs.com.au/radio.

Para ouvir a Rádio SBS a qualquer hora, em qualquer lugar:

  • Baixe a aplicação gratuita SBS Radio no iTunes App Store e Google Play
  • Programas na rádio análoga – AM / FM
  • Rádio digital (DAB+) e televisão digital - Canal SBS Radio 2
  • Streaming ao vivo online e On Demand
  • Podcasts

Se quer saber mais, clique aqui Frequently Asked Questions ou envie um email para radioservicesreview@sbs.com.au.

Siga-nos no Facebook e Twitter.

Conheça nossos talentosos pequenos escritores

Lembrando as férias gostosas com a família em Itaparica, na Bahia, passeando com o Sucupira ou imaginando o Brasil sem música, porque as notas sumiram, foram as inspirações da garotada que participou do Concurso de Redação da ABCD.

É emocionante ver o interesse da criançada em manter a língua portuguesa na Austrália: ouça aqui as crianças apresentando as suas redações.

Nosso perfil: Censo confirma alto grau de escolaridade de imigrantes que falam português

De acordo com o Censo de 2016 os falantes da língua portuguesa que vivem na Austrália têm um grau de escolaridade maior do que o dos australianos: 71.6% terminaram o segundo grau, comparado com 56.8% dos australianos que terminaram o segundo grau.    

Rádio SBS abre consulta pública para grade de programação

A SBS está conduzindo uma consulta pública com os ouvintes.

Português: língua oficial da ONU?

É o que quer a cimeira da CPLP, que terminou nesta terça-feira em Brasília, com a presença também do futuro Secretário-Geral da ONU, António Guterres.

Cabo-verdiano Mito Elias quer unir quem fala português em Melbourne

O ativista cultural Mito Elias, do Cabo Verde, fala da Festa de Celebração dos 41 anos da independência de Cabo Verde, em Melbourne, na semana passada, e diz que quer ver todos os falantes de português juntos.

Portugal e Brasil lançam a maior biblioteca digital da língua portuguesa

A recém criada Biblioteca Digital Luso-Brasileira é fruto de uma parceria entre a Biblioteca Nacional do Brasil e a Biblioteca Nacional de Portugal. A inauguração antecipada por causa da mudança de governo no Brasil.  

Aumenta a importância da língua portuguesa na Austrália

O Dia da Língua Portuguesa foi celebrado neste 5 de maio e, nos estúdios da Rádio SBS, falamos da importância do português, especialmente no censo australiano deste ano, com Susana Teixeira-Pinto, Coordenadora do ensino do português na Austrália, do Instituto Camões, e Lúcia Tavares-Johns, Coordenadora da ABCD (Associação para Crianças Brasileiras Bilíngues na Austrália) e Vice-Presidente da Federação das Escolas de Línguas Comunitárias de Nova Gales do Sul.

Betina Ferreira: as vantagens do português - até para entrar na Universidade na Austrália!

A brasileira Betina Ferreira, de 18 anos, tirou o primeiro lugar na prova de português, no vestibular do estado de Nova Gales do Sul - ela é a convidada especial do programa de hoje da Rádio SBS, com o seu pai, Eduardo Ferreira. 

Betina e Eduardo contam como foi esta trajetória do estressante ano do vestibular e dão dicas para quem quiser escolher o português, curso que pode levantar a média final, nos anos 11 e 12.

Falantes de português da Austrália devem se unir: "Juntos somos mais fortes"

António Sampaio Fernandes, um dos dois novos conselheiros do CCP/Conselho da Comunidade Portuguesa da Austrália e Nova Zelândia, faz um balanço deste 2015 e fala das prioridades para 2016 - entre elas, reforçar a importância da língua portuguesa no censo do próximo ano.

Rádio SBS da Austrália celebra 40 anos!

Políticos e fãs se reuniram para desejar um feliz aniversário para a rádio e celebrar suas conquistas até aqui. Reportagem de Luciana Fraguas.