Coming Up Wed 12:00 PM  AEST
Coming Up Live in 
Live
Portuguese radio
SBS EM PORTUGUÊS

Saiba dos desafios de se casar novamente: "Algumas pessoas não querem por seus bens em risco", diz advogado australiano

Na Austrália, o último Censo mostra que 1,8 em cada mil homens e 0,8 de cada mil mulheres com mais de 65 anos optaram por terminar o casamento e muitos buscam um novo relacionamento.

Casar-se novamente é um retrato comum da vida familiar moderna, com o último censo mostrando que cerca de um quinto dos australianos já se casaram pelo menos uma vez antes.

Se você se sente pronto ou não para tentar novamente, existem dificuldades que vêm com a idade.

A vida de Karen Pisk mudou drasticamente quando ela perdeu seu amado marido há oito anos.

Não querendo passar o resto da vida sozinha, Pisk decidiu começar um novo relacionamento quando descobriu a solução perfeita em seu atual parceiro, Ian Groden, que ela conhecia como amigo da família.

“Eu era muito amigo da esposa dele, que faleceu tragicamente seis meses depois do meu marido, então descobrimos que tínhamos muito mais em comum do que havíamos pensado quando éramos amigos como casais. Não demorou muito para nós dizermos: 'bem, você está sozinho e eu estou sozinho, devemos nos unir e nenhum de nós fica sozinho', e essa tem sido a solução. Não podemos negar que estamos casados felizes há 40 anos.”

Estar em um relacionamento sério logo após o fim de um longo casamento foi um choque para a família de Pisk.

Ela admite que se deparou com algumas barreiras ao longo do caminho - desde conseguir conciliar compromissos familiares até questões sobre finanças.

"Nós aceitamos as coisas como desafios e quase nos perdemos. Não foi fácil, porque, de repente, nos tornamos uma família misturada de ambos os lados."

O advogado sul-australiano Dino Di Rosa frequentemente vê casais mais velhos em relacionamentos de fato que podem estar considerando um segundo ou terceiro casamento.

Ele diz que muitos estão preocupados em proteger seus bens e os interesses dos membros da família.

"Se você morar junto, a pergunta é: o que acontece com o título da casa? O que acontece com as contas bancárias? O relacionamento é uma parceria real? É quando os direitos começam a acumular-se. Se você mantiver bens separados e seu relacionamento é um namoro apenas, geralmente não existem direitos de bens."

Não podemos prever o futuro, mas Di Rosa sugere que, pelo menos a curto prazo, o melhor cenário é manter os bens o mais separados possível.

"Dividir os bens pela metade é praticamente um relacionamento igualitário. É quando eu acho que é mais provável ... especialmente a curto prazo estar em uma situação onde seus bens estão protegidos. A longo prazo, as circunstâncias mudam. Uma parte pode adoecer… envelhecer… se você viveu junto por dez, vinte anos, haverá uma questão de direitos começando a se acumular em relação a bens mantidos pela outra parte.”

A psicóloga clínica Elisabeth Shaw comanda o departamento de Nova Gales do Sul do Relationship Australia.

Ela encoraja os casais a discutir assuntos práticos para evitar queixas.

Afinal, nem sempre há a chance de reconstruir seus recursos se as coisas não funcionarem.

“Se você está buscando um novo relacionamento e tem 58 anos, você pode estar muito preocupado em perder esses bens e provavelmente também está preocupado em perder o legado para seus filhos e por em risco as coisas que cuidadosamente construiu para sua família. Então, eu acho que isso aumenta a ansiedade e não veja isso como não-romântico e você não confia em mim, mas em vez de dizer, olha, isso é uma coisa madura para se fazer: Que tipo de futuro queremos juntos? O que ambos estamos trazendo para a mesa? Como podemos ser práticos sobre isso para que possamos continuar gostando um do outro?"

O último Censo mostra que 1,8 em cada mil homens e 0,8 de cada mil mulheres com mais de 65 anos optaram por terminar o casamento.

De acordo com Shaw, um novo casamento nem sempre funciona se as pessoas não estivessem prontas em primeiro lugar.

"As pessoas precisam amadurecer os problemas do primeiro relacionamento e eu acho que é preciso ter tempo para realmente pensar em si mesmo: por que esse término aconteceu? O que eu aprendi com essa experiência? Onde estou na minha própria vida? Todos esses tipos de reflexões mais profundas e como o que eu quero oferecer a um relacionamento e o que eu quero obter são necessárias, em vez de já se arriscar em um novo relacionamento de cara. É também preciso perceber se a outra pessoa também está pronta e resolvida."

Shaw encoraja as pessoas a não fugirem dos obstáculos quando pensarem em um novo casamento.

"Somos seres relacionais e a maioria das pessoas quer estar perto dos outros. Claro que um parceiro não é a única maneira de se sentir bem consigo mesmo. Há algumas pessoas que escolhem nunca se envolverem novamente e curtir a vida dessa maneira, mas para as pessoas que querem se casar novamente, embora eu esteja apontando várias coisas práticas, como trabalhar com crianças adotivas e dinheiro e assim por diante ... Esses são apenas problemas a serem resolvidos, não são coisas para afastá-lo."

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram

Coming up next

# TITLE RELEASED TIME MORE
Saiba dos desafios de se casar novamente: "Algumas pessoas não querem por seus bens em risco", diz advogado australiano 28/06/2019 06:25 ...
ONU coloca Portugal entre os 30 países mais sustentáveis do mundo 15/09/2019 03:59 ...
Neymar é vaiado pelo PSG e responde com golaço 15/09/2019 09:52 ...
SAD do Benfica foi ilibada no caso ‘e-toupeira’ 15/09/2019 09:55 ...
Notícias da Austrália e do mundo | SBS em Português 15/09/2019 14:15 ...
Startup brasileira quer transformar mercado municipal de Melbourne em 'hub' de energia sustentável 12/09/2019 19:43 ...
Portugal cria Arquivo Nacional com sons de toda a lusofonia 11/09/2019 02:51 ...
Notícias da Austrália e do mundo | SBS em Português 11/09/2019 15:20 ...
Notícias da Austrália e do mundo | SBS em Português 08/09/2019 12:54 ...
Portugal eleito campeão mundial de qualidade de vida para expatriados 08/09/2019 01:54 ...
View More