Coming Up Sun 12:00 PM  AEST
Coming Up Live in 
Live
Portuguese radio

Isolamento obrigatório para todos que chegarem à Austrália a partir da meia-noite deste sábado

HOBART, AUSTRALIA - MARCH 19: Passengers go through various quarantine checks on March 19, 2020 at Hobart airport in Hobart, Australia. Source: Steve Bell/Getty Images

Todos os passageiros serão levados diretamente do ponto de entrada no país a hoteis ou outros locais designados pelos governos estaduais e dos territórios - que vão pagar a conta e garantir que todos cumpram a quarentena de forma correta.

Novas medidas de isolamento para quem chega à Austrália a partir deste sábado

Todos que chegarem à Austrália a partir da meia-noite do dia 28 de março serão obrigados a cumprir o seu período compulsório de auto-isolamento de 14 dias, em locais designados pelo governo (em hoteis, por exemplo). 

Os passageiros serão transportados diretamente do ponto de chegada no país para os locais designados, após passarem os trâmites de imigração, alfândega e checagem mais detalhada do seu estado de saúde.

Agentes da ADF/Australian Defense Force vão cooperar com os esforços da polícia local, visitando as casas de australianos que estão em isolamento obrigatório, conforme requisitado pelos governos dos estados e territórios, e vão comunicar à polícia local se a pessoa identificada estava ou não em casa. 

Em medida anterior do governo, todas as pessoas que chegaram à Austrália desde a meia-noite do dia 15 de março, ou que pensavamm que podiam ter estado em contato próximo com um caso confirmado de COVID-19, já deviam auto-isolar-se por 14 dias.

Se os viajantes não cumprirem os requisitos de auto-isolamento de 14 dias, poderão ter que pagar uma série de multas que estão em vigor em cada estado ou território.

Se estiver viajando dentro da Austrália, entrando ou saindo do país

Os australianos devem evitar todas as viagens domésticas que não são essenciais.

Estados e territórios podem impor as suas próprias restrições, incluindo o fechamento de suas fronteiras estaduais.

Os únicos estados e territórios que não fecharam suas fronteiras são Victoria, Nova Gales do Sul/NSW e ACT/Camberra.

Os australianos estão impedidos de viajar para o exterior desde o dia 25 de março, com algumas exceções.

Somente cidadãos australianos, residentes e familiares imediatos podem entrar na Austrália.

Para mais informações, consulte o Departamento de Assuntos Internos

Acesse a página Smart Traveller do governo australiano para obter mais informações e atualizações.

Se foi diagnosticado com COVID-19, deve obrigatoriamente ficar em casa:

  • Não vá a locais públicos, como trabalho, escola, shopping centre, creche ou universidade
  • Peça a alguém para lhe trazer comida e artigos de primeira necessidade e que deixe tudo na porta da sua casa
  • Não permita a entrada de visitantes - apenas pessoas que normalmente moram na sua casa podem estar em casa.

O que é distanciamento social?

O distanciamento social é uma maneira de ajudar a retardar a propagação de vírus como o COVID-19.

Isso inclui ficar em casa quando você não estiver bem, evitar aglomeração de pessoas e reuniões que não forem essenciais.

É importante manter uma distância de pelo menos um metro e meio entre você e outras pessoas sempre que possível e evitar o contato físico, como apertar as mãos ou abraçar alguém.

O distanciamento social inclui evitar tocar em objetos ou superfícies (como maçanetas, corrimões  ou mesas) contaminados por tosse ou espirro de uma pessoa com um caso confirmado de COVID-19.

Quanto mais espaço houver entre você e os outros, mais difícil é a propagação do vírus.

Posso visitar a família e amigos em lares de idosos?

O surto de qualquer vírus em lares de idosos pode causar grandes problemas. No entanto, com o COVID-19, existe um risco particularmente grave para a saúde das pessoas idosas.

A fim de proteger as pessoas idosas, nos cuidados aplicam-se várias restrições.

Não visite instalações de atendimento ao idoso se:

  • Retornou do exterior nos últimos 14 dias.
  • Manteve contato com um caso confirmado de COVID-19 nos últimos 14 dias.
  • Teve febre ou sintomas de uma infecção respiratória (por exemplo, tosse, dor de garganta, falta de ar).

A partir de 1º de maio, você tem que ter tomado a vacina contra a gripe para poder visitar qualquer casa de repouso ou lares de idosos.

Siga-nos no FacebookTwitter e Instagram